Anahp | Área Restrita

Transmissão ao vivo marca nova etapa da cirurgia robótica no Hospital Moinhos de Vento

Dando seguimento ao Programa de Cirurgia Robótica, o Hospital Moinhos de Vento promoverá, na próxima terça-feira (13), a retirada da próstata de um paciente com câncer (prostatectomia radical) utilizando o robô Da Vinci.

Há duas semanas, foi realizada a primeira cirurgia de correção de uma hérnia abdominal complexa utilizando a técnica robótica sob a coordenação do médico Leandro Totti Cavazzola. O paciente recebeu alta hospitalar 48 horas após o procedimento. Agora, o projeto de cirurgia minimamente invasiva, empregando essa tecnologia, transmitirá um procedimento ao vivo para uma plateia de médicos urologistas de todo o estado, reunidos no Anfiteatro Schwester Hilda Sturm do Hospital.

A intervenção será realizada por André Berger, um dos pioneiros da cirurgia robótica no Brasil, atualmente professor da University of Southern California (USC). Natural de Porto Alegre e radicado nos Estados Unidos há mais de 10 anos, Berger é reconhecido mundialmente pela expertise e inovação nessa técnica. Ao lado dele estarão os médicos urologistas Eduardo Carvalhal e Milton Berger, especialistas do Serviço de Urologia do Hospital Moinhos de Vento.

Durante o evento, Mihir Desai, professor de Urologia da divisão de Cirurgia Robótica da USC, abordará, por videoconferência, os limites desse recurso na Uro-Oncologia. Toda a programação científica ocorrerá no auditório que estará conectado à sala robótica do bloco cirúrgico do Hospital.

“Somos a primeira instituição privada do Rio Grande do Sul a realizar cirurgia robótica. Temos como compromisso entregar medicina e assistência de excelência à comunidade”, destaca o superintendente executivo Mohamed Parrini. Segundo o superintendente médico, Luiz Antônio Nasi, a cirurgia robótica representa uma nova era na Medicina. “Em breve, será possível realizá-la com um paciente que esteja em outra cidade, a partir do comando por um console remoto manipulado por determinado cirurgião”, prevê.

Participam também do evento os médicos da instituição treinados na sede da Intuitive, fabricante do robô, localizada na Colômbia. O projeto também prevê, em breve, a realização de procedimentos envolvendo, além da Urologia, as seguintes especialidades: Coloproctologia, Ginecologia, Cirurgia do Aparelho Digestivo, Cirurgia Torácica e Cirurgia Geral.

​Como funciona a cirurgia robótica

A cirurgia robótica constitui um procedimento que reúne três componentes principais: um console ergonômico em que o cirurgião comanda a intervenção, um totem de quatro braços cirúrgicos interativos junto ao paciente e uma torre de vídeo de alta definição. O cirurgião manipula os controles que transferem remotamente todos os comandos às pinças, filtrando pequenos tremores ou movimentos muito bruscos impróprios que costumam ocorrer na cirurgia convencional.

A visão se dá a partir de dois sistemas ópticos de alta qualidade, em três dimensões. Os detalhes dos tecidos podem ser ampliados digitalmente, sem perda de definição e de espaço de trabalho para o cirurgião, mantendo a integridade dos planos anatômicos. Tudo isso representa, no final, maior segurança e precisão em cada etapa da dissecção, ressecção e sutura dos tecidos. As pinças permitem liberdade de movimentos de 360° (ou até 720°, dependendo de configuração), muito mais amplos e precisos do que os realizados pela mão humana. Cada movimento é guiado diretamente pelo cirurgião com níveis elevados de segurança.

Programação

17:45 – 18:00: Welcome coffee

18:00 - 18:30: Abertura - Superintendência do Hospital Moinhos de Vento

• Mohamed Parrini – Superintendente Executivo

• Luiz Nasi - Superintendente Médico

18:30 – 18:45: Dr. Artur Seabra – Cirurgião-geral, Chefe Bloco Cirúrgico do Hospital Moinhos de Vento

Cirurgia do Aparelho Digestivo

18:45 – 19:35: Transmissão de Cirurgia ao vivo do Bloco Cirúrgico: Prostatectomia Radical Robótica.

Equipe: Dr. André Berger – Urologista, Especialista em Cirurgia Robótica, Professor de Urologia, University of Southern California, Los Angeles, CA

Dr. Eduardo Carvalhal – Chefe de Serviço de Urologia Hospital Moinhos de Vento

Dr. Milton Berger – Urologista, Professor de Urologia UFRGS, Vice-Presidente Médico HCPA

Debate:

Dr. Brasil Silva Neto – Urologista, Professor de Urologia UFRGS

Dr. Gustavo Carvalhal – Urologista, Professor de Urologia PUCRS

Dr. Mauro Weiss – Urologista, Diretor Clínico Hospital Moinhos de Vento

Dr. Alexandre Fornari – Urologista, Presidente SBU-RS (Sociedade Brasileira de Urologia - Seccional Rio Grande do Sul)

Moderador: Dr. Artur Seabra – Cirurgião-geral, Chefe Bloco Cirúrgico Hospital Moinhos de Vento

19:35 – 19:50: Dr. Alexandre Fornari - Urologista, Presidente SBU-RS

Visão da SBU – Sociedade Brasileira de Urologia

19:50 – 20:10: Dr. Mihir Desai – Urologista, University of Southern California (USC)

Qual o limite da cirurgia robótica na Uro-Oncologia? (Videoconferência)

20:10 – 20:30: considerações finais